Material para o professor

    Da cor da esperança

    A libertação dos escravos

    Recontando a História

    Autor: Márcia Abreu
    Ilustração: Diego Sanches
    Edição: 1 ª Edição

    Sobre o livro

    Que cor deve ter alguém para ser gente? De que cor deve ser para ter esperança? Até o século XIX, muitos negros foram escravizados e tratados como animais ou coisas. Eram comprados e vendidos, trabalhavam à força, eram castigados duramente. Gente não se submete a este tipo de tratamento sem revolta, por isso eles organizaram rebeliões e fugas, resistiram aos desmandos e lutaram para se tornar livres. Da cor da esperança conta a história de um grupo de negros – escravos, livres e libertos – desde a captura na África até os movimentos abolicionistas. Gente que tinha dor e queria ser livre, gente que sofria e fazia festa, gente que amava e sentia medo.

    Conheça mais

    Detalhes da obra

    • Moderna Literatura
    • ISBN 9788516102746
    • Código do produto: 12102746
    • Indicação 6º Ano (EF2), 7º Ano (EF2), 8º Ano (EF2), 9º Ano (EF2),
    • Assunto Abolicionismo, Caifazes, Escravidão, Lei Áurea,
    • Tema complementar Pluralidade Cultural, Ética,
    • Tipo de obra Ficção
    • Faixa etária A partir de 11 anos
    • Preço sugerido R$ 60,00

    Dados técnicos

    • Formato Impresso
    • Dimensões do produto 16 x 23 x 1.0
    • Número de páginas 159

    Sobre o autor

    Márcia Abreu

    Márcia Abreu é professora de Literatura no Departamento de Teoria Literária do Instituto de Estudos da Linguagem da Unicamp. Ela escreveu vários livros, capítulos de livros e dezenas de artigos. Mas o que ela gosta mesmo é de contar histórias. Já publicou Morrer Amanhã (FTD, 2014) em que conta a vida de Álvares de Azevedo, um poeta brasileiro que vivia em São Paulo no século XIX.