Pequenos delitos e outras crônicas

Histórias para a sala de aula

Autor: Walcyr Carrasco

Edição: 2

Formato: Impresso

Ilustração: Marcelo Martinez

Faixa etária: A partir de 13 anos

Trabalho interdisciplinar: Português

Indicação: 8º Ano (EF2), 9º Ano (EF2)

Área: Ficção

Assunto: consumismo, contemporaneidade, falta de privacidade, gênero, individualismo, modismo, solidariedade

Temas contemporâneos: Ética

Dimensões do produto: 14,00 x 21,00 x 1,00

Número de páginas: 112

ISBN: 9788516096830

Moderna LiteraturaTruePortuguês BR
Imagem em alta resolução

Imagem em alta resolução

Capa_PequenosDelitos-1.jpg

Download
Envie por e-mailImprimir

Leitura indicada para:

  • Araribá Plus - 5ª edição
  • Disciplina: Português (Araribá Plus 2019)

    Volume/Ano: 9º Ano

    Unidade/Capítulo: Unidade 05


  • Moderna Plus 2016
  • Disciplina: Produção de Texto (Moderna Plus 2016)

    Volume/Ano: Volume Único

    Unidade/Capítulo: Capítulo 11


  • Projeto Araribá
  • Disciplina: Português

    Volume/Ano: 6º Ano

    Unidade/Capítulo: Unidade 01


    Disciplina: Português

    Volume/Ano: 9º Ano

    Unidade/Capítulo: Unidade 01


  • Projeto Araribá Plus
  • Disciplina: Português (Araribá Plus)

    Volume/Ano: 8º Ano

    Unidade/Capítulo: Unidade 02


    Disciplina: Português (Araribá Plus)

    Volume/Ano: 9º Ano

    Unidade/Capítulo: Unidade 01


  • Projeto Presente 4ª Edição
  • Disciplina: Língua Portuguesa (Presente 4ed)

    Volume/Ano: 5º Ano

    Unidade/Capítulo: Unidade 04


Sobre o Livro

UM LIVRO DE CRÔNICAS QUE ENCANTA, ENTERNECE, SURPREENDE E DIVERTE! Os textos de Walcyr Carrasco são retratos rápidos, fotografias instantâneas da metrópole e de seus personagens. Cada crônica é uma nova revelação: ou mostra facetas da vida despercebidas na correria de todos os dias ou coloca em palavras, pensamentos e sensações compartilhados silenciosamente por todos nós, homens e mulheres urbanos. Carrasco escreve em primeira pessoa. Falando de si, fala de todos – e desperta a imediata simpatia do leitor. As crônicas são, antes de tudo, exercícios da arte sutil do equilíbrio: bem-humoradas e irônicas, não perdem a elegância; delicadas, não resvalam para a pieguice; implacáveis na descrição dos costumes da sociedade brasileira, são também generosas, compreensivas, repletas de doçura e humanidade.

Conheça outros títulos da série

Contador de páginas