Material para o professor

    Minha primeira paixão

    Série Paixão sem fim

    Autores: Elenice Machado de Almeida, Pedro Bandeira
    Ilustração: Avelino Guedes

    Sobre o livro

    Quando Frida, recém-chegada na sexta série A, se sentou na carteira da frente a de José Olímpio, mais conhecido como Pimpo, o garoto não conseguiu prestar atenção na aula de matemática, distraído que estava contando um por um os cachos ruivos da nova colega. Os tais cachos vermelhos, porém, não conseguiram impedir que surgisse uma viva antipatia entre os dois jovens, irremediavelmente diferentes: ela, ótima aluna, excelente em matemática, mas com pouca sensibilidade para literatura e escrita; ele, desligado, sempre à beira da reprovação, porém um poeta nato, com uma facilidade incrível com as palavras. Pimpo cultivava uma adoração secreta por Dorinha, a menina mais bonita da classe; Frida sonhava com Zeca, tão bonito que acabou sendo chamado para gravar um comercial de televisão. Foram necessárias algumas confusões e surpresas até que os dois percebessem que, por trás da aparente animosidade entre eles, existia um sentimento novo, diferente dos amores platônicos que tinham experimentado até aquele instante: um amor correspondido, uma primeira paixão...
     

    Conheça mais

    Detalhes da obra

    • Moderna Literatura
    • ISBN 9788516067076
    • Código do produto: 12067076
    • Indicação 6º Ano (EF2), 7º Ano (EF2), 8º Ano (EF2), 9º Ano (EF2),
    • Nível de leitura Fluente e crítico
    • Assunto amizade, primeiro amor,
    • Tema complementar Orientação Sexual, Diversidade cultural, Ética,
    • Tipo de obra Ficção
    • Faixa etária A partir de 11 anos
    • Preço sugerido R$ 62,00

    Dados técnicos

    • Formato Impresso
    • Dimensões do produto 14,00 x 21,00
    • Número de páginas 120

    Leitura indicada para:

    Projeto Araribá

    Projeto Araribá Plus

    Sobre os autores

    Elenice Machado de Almeida

    Nasceu em São Paulo. Fez o curso de línguas Neolatinas na Faculdade Sedes Sapientiae, formando-se professora. Mas nunca exerceu a profissão. Casou-se com um médico neurocirurgião com quem teve quatro filhos. Na hora de dormir contava-lhes velhas histórias e, quando o estoque acabava, inventava novas.

    Pedro Bandeira

    Nasceu em Santos, em 1942. Trabalhou em teatro profissional como ator, diretor e cenógrafo. Foi redator, editor e ator de comerciais de televisão. A partir de 1983 tornou-se exclusivamente escritor. Sua obra, direcionada a crianças e jovens, tem ganhado diversos prêmios, como Jabuti, APCA, Adolfo Aizen e Altamente Recomendável, da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil. Já vendeu mais de 20 milhões de exemplares de seus livros.